Como funcionam os tubos de drenagem?

Os tubos de drenagem em PEAD podem durar mais de 50 anos! Eles possuem instalação muito mais prática quando comparados a materiais como o concreto, ferro e o PVC. Entenda

Tubos de drenagem

Tubos de drenagem captam águas pluviais, evitam a erosão do solo e melhoram a produtividade agrícola

Graças aos tubos de drenagem, é possível controlar o excesso de água do solo para melhorar a produtividade agrícola e evitar alagamentos em rodovias, ferrovias e aeroportos. Mais do que isso, eles também ajudam a estabilizar encostas, evitando danos estruturais em edificações residenciais, comerciais e industriais.

Os tubos corrugados em Polietileno de Alta Densidade (PEAD) possuem alta resistência e durabilidade de mais de 50 anos, o que torna qualquer projeto de drenagem mais durável, seguro e eficiente. Além disso, apesar de recomendada, não é necessária mão de obra especializada para a instalação, o que torna seu custo-benefício ainda mais vantajoso.

Entender como os tubos de drenagem funcionam é fundamental para tornar seu sistema e obra mais seguros e preparados. Confira tudo o que precisa saber neste artigo!

O que são tubos de drenagem?

Também conhecidos como tubos dreno, os tubos de drenagem são materiais hidráulicos cuja principal função é canalizar as águas pluviais. Em outras palavras, eles encaminham a água de um determinado local para outro diferente, evitando que a água se acumule no solo e cause erosão entre outros prejuízos.

Atualmente é possível encontrar tubos para drenagem fabricados em diferentes materiais, como concreto, PVC e PEAD. Cada um atende a requisitos específicos. São eles:

  • Tubos de concreto: é tubo resistente, mas é uma solução de instalação cara com tubos inflexíveis. Também não garante estanqueidade (sem uso de borracha de vedação) e geram muita perda. É uma tecnologia muito antiga, porém ainda é utilizado. Podem ser facilmente substituídos pelos tubos PEAD com grandes diâmetros;
  • Tubos de PVC: são resistentes, duráveis, mas difíceis de serem reciclados e com custo mais alto. Os tubos de PVC geralmente são usados para a condução de água fria em projetos de saneamento básico, como instalações hidráulicas residenciais, comerciais e industriais. Entretanto, também podem ser usados para projetos de drenagem em que a água e o ambiente exercem uma grande pressão e peso;
  • Tubos corrugados em PEAD: são os tubos de drenagem que possuem o melhor custo-benefício do mercado. São resistentes, fáceis de instalar, atóxicos, recicláveis e flexíveis, podendo fazer curvas sem o uso de conexões. Oferecem maior durabilidade e sua flexibilidade se acomoda melhor às características do solo ao serem aplicados.

Como você pode perceber, as características dos tubos em PEAD para drenagem garantem mais segurança e economia em diferentes projetos. Eles podem ser aplicados em obras de drenagem de rodovias, ferrovias, aeroportos, jardins, campos esportivos e plantações.

Como funcionam?

Entender o funcionamento desses tipos de tubos não é tão difícil o quanto parece. Eles são enterrados no solo (instalação subterrânea) e criam um “caminho” para que a água seja conduzida para fora do terreno. Dessa forma, eliminam-se os riscos de alagamento, controla-se a erosão do solo e a sua salinidade. Caso o sistema de drenagem seja instalado em uma região agrícola, é possível observar um aumento da produtividade local de até 40%.

E qual é a diferença dos tubos de drenagem para os tubos comuns fechados de condução de líquidos? Neste caso, ele possui furos em sua estrutura que permitem a entrada da água em seu interior. A partir dessa captação, ele conduz a água para um poço de infiltração ou para algum sistema coletor de águas pluviais da cidade.

E se há furos em todo o entorno do tubo a água não vai “vazar”?

Essa é uma questão muito recorrente quando se conhece os tubos de drenagem pela primeira vez. Ainda existem tubos de drenagem para uso nos chamados “drenos franceses” que utilizam apenas furos na parte de cima ou na de baixo. Isso acontecia com os tubos de cerâmica (os primeiros tubos de drenagem perfurados), posteriormente com os de concreto e até mesmo com os primeiros feitos com polímeros plásticos.

Acontece que há diversos modos de aplicações dos tubos de drenagem, já há até mesmo aqueles que vem com uma espécie de ralo que fica na superfície integrado ao tubo dreno condutor no subterrâneo. Contudo, os tubos para drenagem subterrâneos acabam funcionando mais eficientemente com as perfurações em todo o seu entorno. Quando o terreno fica encharcado e a linha d’água o atinge, este funciona como uma “esponja” e absorve e conduz a água para outra região. Não importando assim se há furos na parte de baixo, pois a água (líquido) vai sempre “buscar” um caminho mais livre para fluir.

Tubos corrugados em PEAD: por que usar?

Depois de entender como funcionam os tubos de drenagem, é fundamental conhecer a qualidade dos tubos corrugados em PEAD. Eles possuem paredes aneladas, que os tornam mais flexíveis quando comparados a materiais rígidos como o concreto e o PVC.

Além dessa vantagem, os tubos corrugados em PEAD também são mais leves e duráveis, pois possuem vida útil de pelo menos 50 anos quando devidamente instalados e enterrados. O techdreno da TechDuto oferece ainda outros benefícios interessantes: 

  • Resistência à corrosão;
  • Suporta a movimentação natural do solo;
  • Alta resistência química e à compressão diametral;
  • Alta resistência a mudanças de temperaturas;
  • Maleável;
  • Fácil instalação.

Baixo custo

O custo-benefício dos tubos de drenagem corrugados merece um destaque especial. Essa vantagem se dá a partir de alguns fatores, como a fácil instalação e a durabilidade.

Primeiro, devemos entender que o tubo corrugado é flexível, pode fazer curvas sem a necessidade de conexões e é fácil de instalar. Por isso, diminui consideravelmente os custos de qualquer obra com acessórios e contratação de profissionais especializados.

Ainda, os tubos corrugados apresentam outra vantagem econômica, a durabilidade. Como duram mais de 50 anos, não precisam ser trocados em pouco tempo, como os tubos de ferro.

Além disso, os tubos estão disponíveis no mercado brasileiro e não é necessário comprar de empresas do exterior. Hoje, a TechDuto é uma das principais fornecedoras do material na América Latina. A empresa conta com fábricas e centros de distribuição nas regiões nordeste e sudeste do país e possui o compromisso de atender aos seus clientes com a melhor qualidade e o menor prazo possível.

Onde aplicar os tubos de drenagem?

Apesar de a drenagem do solo ser uma técnica simples e antiga, ela é essencial e possui diversas aplicações. Uma delas é na agricultura, caso em que os tubos de drenagem possibilitam controlar a umidade do solo, a erosão e a salinidade, melhorando a produtividade agrícola.

Além do caso da agricultura, os tubos corrugados também são muito utilizados em aterros sanitários. Eles ajudam a drenar o chorume que escorre do lixo e o encaminham para a área correta de descarte. Isso evita a contaminação do solo e prejuízos de perda de grandes áreas.

Já em rodovias, os tubos de drenagem evitam alagamentos. Com isso, há muito menos risco de acidentes, mas também de deterioração da via, evitando gastos com novas obras em um curto espaço de tempo.

O uso de tubos corrugados em PEAD também é recorrente nos aeroportos. Vale destacar que o acúmulo de água em pistas de pousos e decolagens pode causar acidentes. De acordo com a ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil), as lâminas d’água representam perigo às operações de aviação, pois provocam aquaplanagem.

Já em parques fotovoltaicos, os tubos para drenagem possibilitam a vazão das águas das chuvas, reduzindo inundações em áreas de placas. Isso, por sua vez, protege a vida dos trabalhadores e demais pessoas em torno das instalações, bem como garante a integridade dos componentes elétricos. Conheça os dutos corrugados da linha techdreno NBR e techdreno SD.

É claro que esses são apenas alguns exemplos de aplicação dos dutos corrugados para drenagem da TechDuto. Contudo, eles também podem ser usados em sistemas de drenagem de ferrovias, de jardins e de campos esportivos.

Tipos de drenagem do solo

Os tubos de drenagem podem se adequar aos dois tipos mais comuns de escoamento da água. Confira melhor sobre eles:

  • Drenagem superficial: é ideal para terrenos regulares, pois são abertas valas/trincheiras drenantes para escoar a água. Entretanto, o fator negativo é que não é tão eficiente quanto a drenagem subterrânea;
  • Drenagem subterrânea: nesse tipo, remove-se o excesso de água de dentro do solo com os tubos de drenagem instalados com maior profundidade e declividade. Trata-se de um processo que requer mais cuidado e conhecimento especializado, mas é o mais aconselhado para controlar o nível do lençol freático.

Conforme se pode perceber, cada tipo de drenagem é para uma característica específica. Por isso, é indicado analisar bem antes o solo em que se fará a instalação.

Garanta mais eficiência em seus projetos com os tubos de drenagem da TechDuto 

A TechDuto é uma empresa brasileira com mais de 30 anos de mercado. Através do investimento em tecnologia, logística e inovação, a TechDuto oferece ao mercado nacional tubos de drenagem acessíveis e com uma linha completa de acessórios para um sistema eficiente e durável.