Porque drenagem agrícola é importante?

EXCESSO DE UMIDADE NO SOLO

 

Esquema do benefício da drenagem agrícola

Esquema do benefício da drenagem agrícola

Normalmente a preocupação com a drenagem agrícola, só aparece quando o produtor se vê diante de um enorme problema de encharcamento de solo devido a um grande acúmulo de chuvas. Porém, o uso da drenagem agrícola é muito mais efetivo e eficiente apenas para ser usado em condições extremas. Inclusive, existem muitas áreas do país que tem necessidade de drenagem, mas que não é feita porque a água não aparece na superfície.

Todo produtor agrícola está interessado em obter a melhor produtividade com a maior qualidade possível de seus cultivos. Isso significa que ele deseja plantações fortes, com frutos saudáveis e em grande quantidade visando aumentar o seu retorno financeiro.

Contudo, um dos maiores inimigos contra esse objetivo é o excesso de água no solo em terrenos sem drenagem agrícola. Esse pode ter como origem na grande concentração de chuvas, irrigação irregular, elevado nível do lençol freático ou proximidade de grandes corpos d’água, como rios, lagoas e oceano.

Problemas

O excesso de umidade no solo, visível na superfície ou não, causa uma série de problemas, tais como:

  • Nível de lençol freático muito alto, que impede o aprofundamento das raízes e consequentemente limita a produtividade das plantas;
  • Excesso de boro, que vem com a adubagem e irrigação das plantas, mas pode ser prejudicial para algumas culturas;
  • Atolamento de máquinas, que pode gerar altos custos para o agricultor;
  • Erosão do solo, que, além do dano físico no solo, pode carregar elementos químicos para rios e lagos;
  • Aumento de algumas doenças nas plantas, o excesso de umidade favorece ao aparecimento de diversas doenças, principalmente causadas por fungos.

Além disso, em regiões com alta incidência dos raios solares, se o produtor esperar que esse excesso de água seja eliminado naturalmente, o solo poderá ser prejudicado pelo aumento da salinidade. Através da evaporação da água, altos índices de sais são depositados no solo, o que atrapalha o desenvolvimento das plantas e a capacidade delas de absorverem umidade. Já em terrenos com drenagem agrícola efetiva, o excesso se água é rapidamente eliminado o que evita esse tipo de problema.

 

COMO RESOLVER O PROBLEMA

Para resolver o problemas do excesso de umidade no solo, ou solo encharcado, você primeiro precisa identificar a área com esse problema. Mas como verificar se a sua área tem problemas relacionados ao excesso de umidade (ou à falta de drenagem agrícola)? Uma das maneiras é analisar o solo em pontos diferentes e verificar e comparar a profundidade da área mais úmida (linha d’água) do seu terreno. Dependendo da cultura produzida é possível verificar também pela diferença na altura das plantas, pois a que estiver sob um terreno mais encharcado acaba crescendo menos e, muitas vezes, nem vingando. Em muitos casos que temos acompanhado, muitos produtores acabam apenas tratam a doença nas plantas, mas não a causa relacionada ao excesso de umidade.

A drenagem agrícola efetiva é a que corrige o problema do excesso de umidade. Ela não “seca” a terra como alguns pensam, pois os tubos só funcionam quando há excesso de água. Como produzimos os tubos para drenagem (techdreno SD, NBR e DW) é óbvio que recomendamos os nossos produtos para um melhor controle efetivo da umidade em instalações de drenos subterrâneos. Contudo, também recomendamos o uso de trincheiras drenantes (valas abertas) apenas na região final da área mais baixa de destino dos tubos de drenagem. Fazendo assim, quando há chuvas mais fortes e concentradas esse dreno superficial ajuda na drenagem mais rápida para absorver o excesso de água até que a terra absorva e os drenos subterrâneos passem a funcionar.

Comparativo de áreas, não drenada e drenada com techdreno - TechDuto


Instalação

É muito importante atentar para instalação do techdreno (tubos em PEAD para drenagem agrícola), pois os erros de instalação são os principais causadores do não funcionamento dos sistemas de drenagem. A inclinação tem que estar correta e uniforme, os dutos não podem sofrer solavancos na instalação senão aquele ponto vira um pronto de acúmulo de água, e o espaçamento também tem que estar correto já que a absorção da água subterrânea ocorre em arco (consulte a referência 2 -- Millar) cujo o distanciamento vai depender da profundidade em que o tubo para drenagem será colocado.

 

VANTAGENS DA DRENAGEM AGRÍCOLA

Por isso, é essencial o uso de drenagem agrícola subterrânea adequada em qualquer plantação, quer seja em região árida ou úmida. A drenagem agrícola deve ser feita levando em consideração as condições do solo, do clima e do tipo de plantio, sendo que as principais vantagens são:

  • Eliminação do excesso de sais, aumentando a capacidade do solo;
  • Controle do nível dos lençóis freáticos, o que permite aprofundamento das raízes e maior produtividade do plantio;
  • Evitar a erosão do solo, filtrando a água e carregando ela pura, sem elementos químicos para os rios e lagos;
  • Alta durabilidade -- Os tubos para drenagem podem permanecer por muitos anos no terreno, sem haver necessidade de troca.
  • Aumento de Produtividade -- Com o aprofundamento das raízes a plantas acabam produzindo mais. O aumento varia conforme a cultura e região, mas já tivemos casos em que houve aumento de 40% em soja. Há relatos de aumentos muito maiores no milho.

Dessa forma, com produtos da linha techdreno e techdreno DW instalados adequadamente, há redução dos custos com manutenção do solo, aumento da produtividade dos plantios, adequação do cultivo mais amigável ao meio ambiente entre outros.

 

Algumas Referências:

  1. Drenagem de terras agrícolas -- https://www.agro.ufg.br/up/68/o/Drenagem_de_Terras_agr_colas_texto.pdf (WEB)
  2. Drenagem de Terras Agrícols -- Augstin A. Millar (LIVRO)