seta

Nova Norma :: ABNT NBR 15715

Sistemas de dutos corrugados de polietileno (PE) para infra-estrutura de cabos de energia e telecomunicações.

A partir do dia 06/07/2009 começou a vigorar a nova norma para os tubos corrugados de polietileno. Ela especifica requisitos e métodos de ensaio para fabricação e certificação de dutos corrugados de polietileno (PE), empregados em instalações de infra-estrutura elétrica (baixa, média ou alta tensão) e/ou de telecomunicações, podendo estar embutidos, enterrados ou aparentes não sujeitos a intempéries.

Agora tanto tubos anelares quanto espiralados
são normatizados :: NBR 15715.

Esta nova norma foi concebida para corrigir e complementar as normas já existentes que apenas contemplavam tubos espiralados (NBR 13897 e NBR 13898). Com isso, o sistema normativo brasileiro se adequa melhor ao que já vigora na Europa e nos Estados Unidos, passando a contemplar tanto os tubos anelares quanto os tubos espiralados.

Voltar ao Inicio

SOBRE AS NORMAS ABNT NBR

As Normas ABNT tem por objetivo os seguintes pontos: segurança, simplificação, comunicação, economia e, principalmente, proteção ao consumidor e eliminação das barreiras comerciais. Para tanto, ela define procedimentos, proporciona meios eficazes de troca de informação entre fabricante e cliente, gera economia para as partes, protege a vida humana, mantem um padrão de qualidade superior e facilita o intercâmbio comercial. Isto tudo atravez da definição de requisitos mínimos de qualidade dos produtos.

Segurança,
Simplificação,
Comunicação,
Economia e
Proteção ao
Consumidor.

Com a normatização, tanto os consumidores quanto os fornecedores tem um padrão adequado para se orientar. Com os materiais certificados, os consumidores passam a poder contar com produtos feitos com materia-prima adequada e resistentes a todos os testes mecânicos e químicos definidos na norma. Os fornecedores, por sua vez, podem oferecer a seus clientes produtos que desde a fábrica possuem qualidade certificada e que vão satisfazer as necessidades dos seus clientes. Deste modo, todos passam a ser beneficiados e ganham em muito com a normatização.

ABNT Logotipo

Infelizmente, as Normas ainda não são disponíveis online gratuitamente, apenas podendo ser adquiridas no site da ABNT, listado aqui ao final desta página.

Voltar ao Inicio

MOTIVAÇÃO DA NORMA NBR 15715

A entrada em vigor da Norma 15715 chega para substituir normas anteriores, que padronizavam o uso do duto espiralado corrugado para instalações de cabos ópticos e elétricos em redes subterrâneas, ao longo da faixa metro-ferroviária. Apesar da normalização, muitas empresas privadas e públicas adotaram-nas como requisito para redes subterrâneas em uso geral

Ao longo do tempo, os consumidores perceberam que com a exigência do cumprimento por parte dos fornecedores sob as normas NBR 13897 e NBR 13898, foi estabelecido um monopólio, uma vez que essas normas favoreciam somente um fabricante.

Mesmo com o aumento no numero de fabricantes capacitados a oferecer dutos com excelente qualidade, esses fornecedores eram vetados a concorrer técnica e comercialmente devido a vigência dos requisitos das normas NBR 13897 e NBR 13898.

Por essa situação ser contraria a concorrência comercial em igualdade de condições, houve uma solicitação por parte das empresas de energia elétrica e de seus fornecedores para a elaboração de uma nova Norma.

Selo qualidade
Voltar ao Inicio

HISTÓRICO DA NORMA 15715

Inicialmente, elaborou-se os seguintes projetos Normas:

  • 03:023.07-001(direcionado a sistemas de dutos de polietileno para energia elétrica, para dutos de parede corrugada);
  • L03:023.07-002 (direcionado a sistemas de dutos de polietileno para energia elétrica, para dutos de parede lisa);
  • L03:023.07-003 (direcionado a sistemas de dutos corrugados de polietileno e acessórios, para a verificação da estanqueidade), sendo este ultimo reprovado, em consulta nacional pública.

Inicialmente, elaborou-se os seguintes projetos Normas:

Sob a coordenação da Associação Brasileira de Tubos Poliolefinicos e Sistemas (ABPE) e supervisão da COBEI (Comite Brasileiro de Eletricidade, Eletrônica, Iluminação e Telecomunicações), em 2006 criou-se uma comissão de estudos de eletrodutos para infraestrutura, formado por representantes de empresas de energia elétrica, de fabricantes de produtos afins, de fabricantes de matérias primas, de associações e colaboradores, sob a identificação CE-03:023.07 que reativou a discussão sobre a unificação e elaboração de uma nova norma, a qual foi baseada no IEC (Internacional Electrotechnical Commission), sendo:

  • IEC 60614-1/1994 (Conduits for electrical installations – Specification – Part 1: General requirements);
  • IEC 61386-1/1996 (Conduit systems for electrical installations – Part 1: General requirements).
Norma criada a partir do padrão europeu de
qualidade de processos e produtos.

A comissão, em consenso, unificou os projetos de normas, denominando o projeto unificado resultantem em: Projeto 03:023.07-001 - Sistemas de dutos de polietileno (PE) para Infra-estrutura – Requisitos. Já em 2007, a denominação do projeto de Norma foi alterado para: Sistemas de dutos corrugados de polietileno de alta densidade (PEAD) para cabos de energia e telecomunicações.

Por fim, a industria, o varejo e os consumidores finais de dutos corrugados ganham com a aprovação em julho de 2009 do projeto de Norma 03:023.07-001, o qual finalmente torna-se norma, sob a referência ABNT NBR 15715, com o título de Sistemas de dutos corrugados de polietileno (PE) para infra-estrutura de cabos de energia e telecomunicações - Requisitos.


Fontes:

  1. Associação Brasileira de Normas Técnicas (http://www.abnt.org.br/);
  2. ABNT Importância (http://www.abnt.org.br/cb24/importancia.php).
Voltar ao Inicio